top of page

Introdução sobre bloqueios na disfunção sexual: Uma perspectiva pela abordagem corporal e tântrica

A disfunção sexual é um tema que muitas vezes permanece oculto nas sombras do silêncio e da vergonha. No entanto, para aqueles que vivenciam esse desafio, é uma realidade que pode afetar profundamente sua qualidade de vida e relacionamentos. Este artigo explora a perspectiva da psicoterapia corporal e da terapia tântrica no tratamento da disfunção sexual, destacando como essas abordagens buscam identificar e tratar bloqueios fisiológicos e psicológicos que impedem a plena expressão da sexualidade.


O bloqueio na resposta fisiológica


A disfunção sexual pode se manifestar de várias formas, incluindo disfunção erétil, ejaculação precoce, anorgasmia, vaginismo, entre outras. O que todas essas condições têm em comum é um bloqueio na resposta fisiológica normal do corpo durante a atividade sexual. É importante entender que esse bloqueio pode ser total ou parcial e pode ter raízes tanto físicas quanto psicológicas.


Na abordagem aplicada pela psicologia corporal reichiana, desenvolvida por Wilhelm Reich, acredita-se que os bloqueios na resposta sexual estão relacionados a tensões musculares crônicas no corpo, chamadas de couraças ou carapaças a depender da literatura apreciada.


Essas couraças são áreas de tensão muscular que se formam como uma resposta à repressão das emoções e da energia sexual ao longo da vida. Quando essas couraças estão presentes, elas podem bloquear a circulação de energia vital pelo corpo, afetando a resposta sexual.


Podemos compreender energia vital quando observamos o comportamento da respiração em relação ao seu sistema nervoso autônomo, simpático e parassimpático (contração e relaxamento) em um trabalho corporal, por exemplo.


A Terapia Corporal: Desbloqueando as Couraças


A Terapia Corporal se concentra na liberação das couraças por meio de técnicas específicas, com o manejo seja com a massagem terapêutica tântrica e/ou meditação, respiração e demais expressão corporal. O terapeuta ajuda o paciente a entrar em contato com as sensações corporais e as emoções reprimidas, permitindo que a energia flua livremente pelo corpo. Esse processo pode ajudar a liberar os bloqueios que afetam a resposta sexual.


Um aspecto fundamental desta abordagem terapêutica é a busca da consciência corporal e respiratória. Os pacientes são encorajados a se tornarem conscientes das emoções, crenças e experiências passadas que contribuem para os bloqueios. À medida que a consciência aumenta, o paciente pode trabalhar na resolução desses problemas, promovendo uma resposta sexual mais saudável.


A terapia tântrica: Expandindo a consciência sexual


A terapia tântrica, por outro lado, baseia-se na antiga tradição tântrica, espiritual e filosófica, não dogmática (não opressora) que reconhece a sexualidade como uma fonte de energia divina, vital, criativa e espiritual. Nessa abordagem, a disfunção sexual é vista como um desequilíbrio na energia sexual, que pode resultar de bloqueios emocionais e psicológicos.


A terapia tântrica concentra-se em expandir a consciência sexual e integrar a energia sexual em todos os aspectos da vida através do desenvolvimento do orgasmo. Isso é feito por meio de práticas como a meditação, a respiração consciente e a massagem tântrica. Essas práticas ajudam os pacientes a se reconectarem com sua energia sexual de uma maneira saudável e consciente, descaracterizando-a de quaisquer ideias de comportamento neurótico sexual obsessivo e compulsivo.


Identificando a etiologia dos bloqueios


Para tratar eficazmente a disfunção sexual, é essencial identificar a etiologia dos bloqueios. Isso pode envolver uma investigação cuidadosa das experiências passadas, traumas emocionais, crenças limitantes e padrões de comportamento que contribuem para a disfunção.


Na abordagem corporal, a etiologia dos bloqueios está frequentemente relacionada à repressão de emoções e à tensão muscular crônica. Os terapeutas ajudam os pacientes a explorar essas áreas e a liberar as tensões armazenadas.


Na terapia tântrica, a etiologia dos bloqueios é vista em termos de desequilíbrios de energia sexual, utilizando-se de termos como kundaliní, chacras como representação de energia vital e centros energéticos de pulsão, respectivamente. Os terapeutas auxiliam os pacientes a identificar onde a energia está bloqueada e como ela pode ser redirecionada de maneira saudável.


O caminho para a cura


A busca pela cura na disfunção sexual, seja pela abordagem corporal e/ou tântrica, envolve um processo de autoconhecimento profundo. Aqui estão algumas etapas-chave nesse caminho:

  1. Conscientização: O primeiro passo é sempre a conscientização, um momento de diálogo para introdução de conteúdos educativos. Os pacientes são orientados a reconhecerem suas emoções, sentimentos e pensamentos e a procurar ajuda.

  2. Exploração das Emoções: Na terapia corporal, é importante explorar e expressar emoções reprimidas, enquanto na terapia tântrica, a ênfase está na integração da energia sexual.

  3. Identificação de Traumas: Às vezes, a disfunção sexual está enraizada em memórias traumáticas. Identificar e lidar com esses traumas é fundamental para a cura.

  4. Mudança de Crenças Limitantes: Tanto a terapia corporal quanto a tântrica trabalham na identificação de crenças que podem impedir o indivíduo de ter uma relação saudável com a sua sexualidade.

  5. Práticas Terapêuticas: As técnicas terapêuticas específicas variam de acordo com a abordagem, mas podem incluir massagem, respiração, meditação e visualização, escuta ativa, diálogo.

  6. Integração: À medida que os bloqueios são liberados e a energia flui, os pacientes podem experimentar uma melhora na resposta sexual e uma sensação geral de bem-estar emocional.

A disfunção sexual pode ser um desafio significativo, mas não é uma sentença permanente. A abordagem corporal e a terapia tântrica oferecem maneiras eficazes de identificar e tratar os bloqueios que interferem na resposta fisiológica. Ambas as abordagens enfatizam a importância da consciência, da exploração emocional e do equilíbrio energético para promover uma sexualidade saudável e satisfatória.


Se você está enfrentando uma disfunção sexual, considere procurar a orientação de um psicoterapeuta corporal, seja de base teórica reichiana, bioenergética entre outras ou terapeuta tântrico qualificado por uma escola identificada pelos desejos emancipatórios a favor de uma Sexualidade Humana Amorosa e Regenerativa.


Com apoio adequado, é possível superar os bloqueios e experimentar uma vida sexual plena e gratificante. Lembre-se de que você não está sozinho, e a busca pela cura começa com o primeiro passo em direção à conscientização e ao tratamento.


Posts recentes

Ver tudo

留言


bottom of page